Feitiçaria, macumba, vodu, cabala... a esperança do brasileiro!

Feitiçaria, macumba, vodu, cabala... a esperança do brasileiro

Não acredito na existência de vida após a morte, não acredito na existência de um mundo mágico com divindades, demônios e milagres.

Embora sempre tenha sido fascinado pelo mágico, pelo extraordinário, pelo sobrenatural, pelo hermético, desde minha infância, quando no meu imaginário eu desejava ter superpoderes, principalmente o dom da invisibilidade.

Sou descendente de europeus, um forte coquetel de sangue ibérico e profunda formação religiosa católica.  Quando criança era levado pela Dona Conceição, minha mãe, devidamente trajado com terninho de calça curta e boina, à missa dominical.  Na adolescência - dos dez aos dezesseis anos - fui aluno interno do Colégio Salesiano de Santa Rosa, em Niterói.  Missa todos os dias, confissão, penitência, comunhão. Ajudei muita missa, como coroinha. Fazia parte do "Pequeno Clero" do colégio. Muitas aulas e palestras religiosas.  Li e reli os evangelhos e o antigo testamento muitas vezes.  Pesquisei e folheei muita enciclopédia na minha adolescência, sempre buscando o maravilhoso mundo mágico, a cabala e a história das civilizações.

Acredito na razão, na observação, na ciência, no planejamento, no estudo e no trabalho para se conseguir a realização dos sonhos.

“Deus ajuda a quem cedo madruga!”

Ditado popular que tem por base a lógica, a realidade: quanto menos você dormir, ou melhor, não exagerando, quanto mais cedo você acordar, mais tempo você terá para pensar, planejar e trabalhar.

Experimente passar a vida dormindo e rezando... o máximo que conseguirá será o enriquecimento do religioso estelionatário.

- Pô cara... não fala assim!

- É a realidade! O sujeito, abusando do fato de que sempre existirão, na vida de relação e na natureza, assuntos não explicados pela ciência, ilude pessoas, aquelas que não têm esperança de obterem coisas materiais, algum conforto sentimental ou alguma explicação para fatos de sua vida, com os instrumentos e conhecimentos fornecidos pela natureza, ou pela sua própria inteligência, que a solução se encontra no mundo mágico das religiões, igrejas, seitas, rituais e feitiçarias.

Promete o nirvana, ou seja, promete fazê-lo atingir um estado de libertação do seu sofrimento, desde que ele tenha algum lucro... lógico!

A maioria do povo brasileiro acredita em feitiçaria, em mágica. 

Experimentem pesquisar no Google a palavra “macumba”.

Tem até macumba “online”.  Os espertos prometem tudo. Até as coisas mais absurdas:

- Macumba para fazer casar;

- Para fazer broxar;

- Para dar diarréia...

- Verdade! Não ria!...  Tem um cara prometendo isso, diz que é mais prático contratá-lo do que você mesmo fazer a macumba... Pode fazer errado, né?...rs

O mais fascinante é o ritual vodu, vejam o que encontrei na internet (por motivos óbvios apaguei o nome, números de conta corrente e telefones, mas mantive os erros de português):

“O que é uma boneca  vodu

É aparentemente um inocente objeto,  que por meio do ritual apropriado e certo    procedimento se torna altamente efetivo para capturar à   almas de uma pessoa e a obrigando as nos dar tudo que queremos amor dinheiro sexo fidelidade não importa qual seja o seu problema o vodu resolve.

A três maneiras de se fazer um vodu

A primeira opção

E um trabalho vodu classe especial que você ira gastar por volta de hum mil e guinhentos reais seu efeito e espetacular dentro de sete dias você terá o que deseja da pessoa amada

A segunda opção

E um trabalho vodu classe 2 eficaz, mas seu efeito se dará dentro do prazo de 14 dias a contar da data que foi feito. Seu custo e de Hum mil reais

A terceira opção

E um trabalho vodu classe 3 muito eficaz, seu efeito será dentro de um prazo de 21 dias a contar da data que foi feito e tem seu custo bem reduzido para quinhentos reais.

Para fazer este trabalho irá precisar me mandar pelo correi eletrônico ou pelo método convencional fotografia do casal datas de nascimento e nome completo caso seja um vodu de amor

Para outras finalidades basta somente o nome da vitima e data de nascimento e se possível à fotografia

As garantias

Deixo ao seu critério decidir que garantias você quer, pois as que poderei dar e que vou fazer de tudo que estiver no meu conhecimento para resolver o problema.

Forma de pagamento

A vista. Motivo os distribuidores não parcela os material que iremos precisar para executar os trabalhos

Como será feito o pagamento

Deposito bancário

Banco Itaú AG- xxx conta corrente xxx

Banco do Brasil AG- xxxx conta corrente

Banco Bradesco AG-  xxxx conta corrente

Em nome de...

Telefone de contato

011- mmmmmm

Celular

011 mmmmmm” (sic)

A proposta não fica muito longe do que promete a mitologia cristã com a esmola e o dízimo.

Mas é fascinante...

Se eu fosse presidente da república criaria o cargo de “Espetador de Bunda de Boneco Vudu”.

Teria o status de ministro e trabalharia no Palácio do Planalto ao lado do gabinete presidencial.

Sua função, com base em fotos e vídeos fornecidos pela PF, seria construir bonecos semelhantes aos corruptos, ladrões e políticos estelionatários. Teria muito trabalho, poucos escapariam de uma espetada.

A cada ato de corrupção que me viesse ao conhecimento eu ligaria o interfone e diria para o Espetador:

- Espete a bunda do político fulano de tal...

Tenho certeza que acabaria com a corrupção no país rapidinho e eu poderia dizer, se eu fosse ele, em todos os meus discursos:

- “Nunca na história deste país se espetou tanta bunda como agora! - Não é verdade Paulinho?"

Ou, se eu fosse ela: "No meu governo nunca se engavetou, digo, se investigou tanto como agora. Todas as investigações determinadas por nós terminaram com espetadelas na bunda. Processo? Que processo?"

 

Comments 

 
-2 #1 Tsunami 2010-07-25 12:37
Adoro o seu sentido de humor.
Também cá, faz falta um Espetador de Bunda LOOOOOOL
Quote
 

Add comment


Security code
Refresh