Flamengo - eleições - Chega de amadorismo!

Flamengo/Eleições ou... Chega de amadorismo!
 
 
 
Flamengo precisa de gestão empresarial.
 
Precisa de direção voltada para os negócios da instituição.
 
Não pode ficar à mercê de políticos oportunistas, pessoas que só querem se aproveitar da grande massa torcedora para adentrar na administração pública.
 
Políticos de ocasião, na sua grande maioria, inexperientes em política e em administração de empresas e negócios, essas pessoas se infiltram nos grandes clubes, se aproveitam da projeção proporcionada pelas mídias e dos antolhos da paixão do fanático pelo futebol do clube para tirarem o máximo de proveito pessoal da situação.
 
Essa gente só aparece no momento da vitória do time.
 
São adeptos do “eu venci, eles perderam, nós empatamos”.
 
Talvez, com base nas palavras do presidente de um determinado país que nada lia, nada sabia, nada enxergava e nada ouvia, embora adorasse falar qualquer coisa, essas pessoas acham que se delegarem seus poderes a determinados amigos íntimos não precisam saber nada de relações negociais, nada da saúde financeira da instituição para a qual foram eleitas.
 
O Flamengo precisa de pessoas sérias, competentes, especialistas em administração de grande capital, pessoas com conhecimento de economia, contabilidade, direito, administração de empresas, etc.
 
Chega de amadores aproveitadores, oportunistas, gente que não sabe nada de nada...
 
Diretor não pode receber cotas disso ou daquilo.
 
Não pode receber presentinhos dos contratados/patrocinadores, brindes, percentuais na compra e venda de jogadores.
 
Não pode receber por questão de moralidade, pois nunca se saberá se o negócio foi ou não feito porque não era bom/ruim para o clube ou se não “agradou pessoalmente” ao diretor.
 
Na adminstração pública isso é considerada espécie de prática de corrupção.
 
O Flamengo é uma das maiores marcas do futebol mundial, clube com a maior torcida do mundo.
 
Precisa de profissionais especialistas nas matérias exigidas pela complexidade de seus negócios.
 
Precisa de gente especialista em grandes negócios.
 
Para cuidar do escorregador, roda-roda, caixa de areia e balanço do parquinho, basta um “prefeitinho da gávea”.
 
O futebol é o carro-chefe do clube.
 
A prioridade é o futebol.
 
As grandes receitas e despesas devem ser bem administradas por especialistas, por gente que entende do assunto.
 
Gente que quando delegar poderes saiba porque está fazendo isso e, principalmente, gente que tenha cultura e experiência suficiente para entender a função delegada e possa cobrar de seu subordinado o excelente desempenho que a empresa Flamengo exige.
 
Chega de amadores “espertíssimos” e “Como ele/ela fala bem, Nossinhora!”
 
Sócio do Flamengo... em dezembro, escolha teu candidato pela competência individual e pelo potencial dos componentes do grupo para administrarem um dos maiores clubes de futebol do mundo.
 
Chega de gente amadora e curiosa...
 
Escolha o candidato/chapa como se estivesse escolhendo alguém para administrar tua própria empresa.
 
Escolha profissional competente para que o Flamengo possa voltar a ser @FlaCampeaoMundo!
 
SRN
 
Joviano Caiado
 
E você, o que acha?
 
Dê sua opinião!

Add comment


Security code
Refresh